BLOGS

Pão de Açúcar: Projeto de Lei que desconta 14% do salário mensal dos aposentados será votado nesta sexta-feira pelos vereadores

Lideranças políticas e outros profissionais se manifestam contra o injusto projeto que prejudica os servidores aposentados do IAPREV


  Foto: Reprodução/Google

Postado : 12/11/2021   /   por Helio Fialho

Nesta sexta-feira (12),  durante sessão ordinária na Câmara de vereadores de Pão de Açúcar, será colocado para aprovação, através dos votos dos vereadores,  um projeto de lei encaminhado pelo prefeito de Pão de Açúcar que, se aprovado pelos vereadores, os aposentados e pensionistas passarão a ter desconto mensal de 14% nos proventos, ou seja, no pequeno salário que recebem do IAPREV.

Em razão do injusto projeto, lideranças políticas, profissionais de imprensa e servidores públicos estão se manifestando contra, nas redes sociais.

Os vereadores Diomedes Rodrigues (@vereadordiomedes) e Tereza Brito (@vereadoraterezabrito) manifestaram indignação e publicaram em suas plataformas sociais um vídeo dizendo que votarão contra o projeto.

O ex-deputado federal e ex-prefeito Cristiano Matheus, que disputou o pleito para prefeito de Pão de Açúcar e não obteve vitória nas últimas eleições, também se manifestou contra, nas redes sociais (@cristianomatheus15of), além de fazer um alerta à população para cobrar aos senhores  vereadores que votem contra o projeto. Cristiano questionou, ainda, ao prefeito de Pão de Açúcar, o motivo de o mesmo não querer aplicar no IAPREV os milhões que a Prefeitura irá receber da BRK pela venda do SAAE.

“O aposentado já vive com dificuldade: não tem o dinheiro pata comprar o remédio; não tem o dinheiro para comprar o botijão; não faz sua feira. E agora, o prefeito quer arrancar 14% desse coitado assalariado”, disse Cristiano Mateus. Veja bem, a BRK, que comprou o SAAE, um dos produtos mais interessantes de nossa cidade, vai injetar mais de R$ 15 milhões de reiais nos cofres da Prefeitura. O prefeito deveria pegar esse dinheiro e colocar na previdência do município e não arrancar de quem mais precisa. Não tirar do aposentado; não tirar das pessoas que tanto trabalharam por esta cidade e, no momento que mais precisam, numa pandemia dessa, vai ter que tirar 14% do seu salário”, questionou Cristiano Mateus, além de ter colocado nos vereadores a decisão de rejeitar o projeto.

Na qualidade de cidadão pão-de-açucarense e, ainda, como profissional de imprensa, manifestei, também, minha indignação para com este injusto projeto de lei e, é claro, saí em defesa dos aposentados, através de um vídeo publicado em minhas plataformas sociais (Facebook, Instagram e Youtube).

Compreendo que não será nada fácil para os vereadores que fazem parte da bancada governista, pois os mesmos são pressionados pelo gestor, que cobra fidelidade e pode sentir-se traido pelos edis, em caso de rejeição ao projeto. Contudo, os vereadores precisam pensar no bem-estar dos aposentados porque os aposentados não suportam mais ser sacrificados. Sendo assim, é melhor defender os interesses dos servidores aposentados e não defender defender o interesse do prefeito, no tocante a este insano e injusto projeto. A decisão, agora, está nas mãos dos senhores vereadores.

A expectativa é de que os sindicatos da categoria compareçam para defender, também, os interesses dos servidores públicos municipais aposentados.

O povo precisa comparecer à sessão, hoje às 09 horas da manhã, para ver de perto os vereadores que vão votar contra ou a favor dos aposentados.

Comentários

Escreva seu comentário
Nome E-mail Mensagem