MUNICÍPIOS

Polícia mata quatro seguranças do prefeito Avânio Feitosa em Belo Monte após troca de tiros

Seguranças reagiram a uma averiguação policial que seria feita na casa do prefeito


  Foto: Divulgação

Postado : 01/10/2016   /   por Redação

Segundo informações, por volta das 4 horas e 40 minutos deste sábado (1º), na cidade ribeirinha de Belo Monte,  após tentar fazer uma averiguação na residência do prefeito Avânio Feitosa, depois de receber denúncia de que o prefeito estava fazendo compra de votos, a polícia foi impedida de entrar  na casa do gestor municipal por seis homens que faziam sua segurança.

Na troca de tiros com a polícia, quatro seguranças foram mortos e dois foram presos e conduzidos à Delegacia Regional de Batalha.

Segundo, ainda  informações, os quatro seguranças que foram mortos moram na cidade de Batalha. Já os dois seguranças que foram presos moram na cidade de Pão de Açúcar e são conhecidos como Ricardo e Arnaldo.

Dois policias foram feridos pelos seguranças do prefeito durante a troca de tiros  e foram encaminhados para um hospital da região. Não há informações sobre o estado de saúde dos dois policias.

O prefeito Avânio Feitosa se entregou à polícia e foi conduzido para a Delegacia Regional de Batalha.

A reportagem do Notícia Quente está mantendo contatos com a cidade de Belo Monte e a qualquer momento trará mais informações.

Comentários

Escreva seu comentário
Nome E-mail Mensagem

  • Lindomar Dias 01 de Outubro de 2016 Aqui na cidade de Ribeira do Piauí está uma compra de votos grandiosa.Denuncia.
    Lindomar Dias 01 de Outubro de 2016 Justino, KEDA, ARNALDO, WILSON e Raimundo vador Rita compradores de votos