MUNICÍPIOS

MP acompanha caso de atentado que deixou três menores feridos em Senador Rui Palmeira

Segundo o site, os três meninos estavam na porta de casa quando um carro se aproximou e o condutor efetuou os disparos, atingindo os dois primeiros na perna e o terceiro na região do tórax.


icon fonte image

  Fonte: Com TNH1

  Foto: Reprodução/TNH1/Correio Notícia

Postado : 13/09/2020

O Ministério Público de Alagoas está acompanhando o caso de um atentado por arma de fogo que deixou três menores de idade feridos em Senador Rui Palmeira, no interior de Alagoas. O caso aconteceu na última quinta-feira (10) e o MP se manifestou neste sábado (12). 

 

Em áudio disponibilizado para a imprensa, o promotor de Justiça Fábio Bastos explicou que não pode repassar detalhes e nem citar nomes porque a investigação envolve três menores de idade, mas afirmou que o Ministério Público vai atuar com firmeza no caso. 

"O Ministério Público está acompanhando de perto esse crime bárbaro que aconteceu em Senador Rui Palmeira. Nós iremos atuar com a firmeza de sempre. Aqueles que cometeram, se for mais de um autor, serão punidos na forma da lei. Ocorre que neste caso, dentre as vítimas, tem umas crianças menores de idade, e a lei prevê o sigilo no processo quando há criança envolvida. Também ainda há uma investigação iniciando em curso e não podemos divulgar os nomes dos investigados para não atrapalhar as investigações, até mesmo porque a Lei de Abuso de Autoridade não permite que neste momento nem promotor e nem juiz emita o nome de ninguém para que não possamos incorrer neste crime".

 

De acordo com o site Correio de Notícias, duas crianças de 10 e 11 anos e um adolescente de 14 anos foram vítimas de um atentado na quinta-feira (10). O TNH1 confirmou a ocorrência com o 7º Batalhão da Polícia Militar, que não pôde mais detalhes.

 

Segundo o site, os três meninos estavam na porta de casa quando um carro se aproximou e o condutor efetuou os disparos, atingindo os dois primeiros na perna e o terceiro na região do tórax. O estado de saúde do menino de 14 anos é grave, informou o site. O TNH1 não conseguiu contato com o Hospital Regional de Santana do Ipanema para saber a atualização do quadro de saúde do adolescente.

Comentários

Escreva seu comentário
Nome E-mail Mensagem