MUNICÍPIOS

Duas crianças ficam feridas após explosão de um celular em povoado de Pão de Açúcar

Os vizinhos conseguiram quebrar um cadeado da residência e resgatar as crianças que, segundo informações, estariam sozinhas no momento do ocorrido.


icon fonte image

  Fonte: Com Pão de Açúcar Notícias

Duas crianças ficam feridas após explosão de um celular em povoado de Pão de Açúcar

Duas crianças ficam feridas após explosão de um celular em povoado de Pão de Açúcar   Foto: Reprodução/Pão de Açúcar Notícias

Postado : 15/07/2021

Duas crianças ficaram feridas, às primeiras horas da madrugada desta quinta-feira, (15), no Povoado Santiago, zona rural de Pão de Açúcar, após a explosão de um aparelho celular, que provocou chamas na residência dos menores.

Segundo as informações, uma menina de 09 anos foi dormir e colocou seu aparelho celular para recarregar em uma tomada elétrica, ao lado da sua cama, fazendo uso de fones de ouvido. Horas depois, o aparelho teria explodido e as chamas atingiram o colchão em que a menina dormia. Uma outra criança, de dois anos de idade, irmão da garotinha, também estava no local.

As chamas se espalharam rapidamente e os gritos de socorro dos menores chamaram atenção de vizinhos, que prontamente saíram para prestar socorro.

Os moradores conseguiram quebrar um cadeado da residência e resgatar as crianças que, segundo informações, estariam sozinhas na ocasião do ocorrido. O fogo consumiu parte da residência e os dois menores foram socorridos até a Unidade Mista de Saúde Dr. Djalma Gonçalves dos Anjos.

Os relatos dão conta de que a garotinha sofreu graves queimaduras pelo corpo, chegando a perder parte da pele e couro cabeludo, tendo sido encaminhada ao hospital Clodolfo de Melo, em Santana do Ipanema e, posteriormente, ao Hospital de Emergência, em Arapiraca.  Já o seu irmão teria sido vítima de queimaduras de menor potencial, tendo permanecido hospitalizado em Pão de Açúcar.

Questionando

Um detalhe, que está chamando a atenção das pessoas, é o fato de as duas crianças, no momento do ocorrido, estarem sozinhas e trancadas, logo às primeiras horas da madrugada. Ainda não há informação onde os pais das crianças se encontravam no momento em que aconteceu a explosão seguida de incêndio. O que se sabe é que, provavelmente, não fosse o socorro imediato, prestado pelos vizinhos, as crianças teriam morrido.  

A reportagem do Notícia Quente está tentando buscar a resposta que muita gente está querendo saber e, por este motivo, está tentando manter contato com a família das vítimas e com moradores do Povoado Santiago.

Contato mantido

Conforme havia informado, a reportagem do Notícia Quente entrou em contato com uma moradora do Povoado Santiago, que é considerada uma fonte fidedigna e tem muita influência na comunidade. Segundo ela, no momento da explosão do celular e do incêndio, as duas crianças estavam em companhia da avó materna, já que a mãe dos menores havia dormido na cidade de Pão de Açúcar, pois trabalha em uma casa de comércio, no centro da cidade, para ajudar no sustento da família. E os vizinhos só quebraram o cadeado da porta de acesso à residência, para socorrer as crianças, porque a avó, que sofre de hipertensão, sentiu-se mal em consequência do susto e, por isso, pediu socorro aos vizinhos juntamente com as crianças e prontamente foram socorridos.

Novas informações

A reportagem do Notícia Quente.entrou em contato com a moradora e vizinha que primeiro prestou socorro às crianças que foram vítimas do incêndio provocado pela explosão de um aparelho celular, no Povoado Santiago, uma comunidade ribeirinha de Pão de Açúcar.

Segundo a vizinha socorrista revelou à reportagem do Notícia Quente, após ouvir insistente choro de crianças, que pediam socorro, "JD" chamou o esposo "C" e abriram a porta de acesso à rua onde moram, quando perceberam que o choro vinha de uma das casas que fica localizada bem em frente à sua residência. Desta casa saia muita fumaça, devido ao incêndio que estava destruindo tudo. O casal tratou logo de abrir a porta para retirar as crianças, porém, como não pòde abrir a porta, conseguiu quebrar o cadeado e a fechadura e ambos tiveram acesso ao quarto das crianças, cujo local já estava todo tomado pelas chamas, pois o fogo já havia destruido as camas, colchões e o guarda-roupa. As vestes das crianças estavam queimadas, principalmente a roupa da menina que estava fazendo uso do celular e com o carregador ligado à tomada eletrica, o que provocou o incêndio ao aquecer e estourar o aparelho. O casal apagou as chamas com água e, ainda, jogou água sobre as crianças para evitar que seus corpos sofressem mais queimaduras, pois a roupa da menina se encontrava completamente derretida sobre sua pele.

A socorrista relatou, também, que o fogo destruiiu completamente os móveis, as roupas e, até mesmo, as camadas das paredes do quarto, devido à tinta, não restando nada que pudesse ser aproveitado.  A avó das crianças, que estava dormindo em outro quarto, não foi atingida pelo fogo. Somente as duas crianças sofreram queimaduras. O menino, de apenas 2 anos de idade, sofreu queimaduras na cabeça e nos membros superiores, enquando a menina, de 9 anos, sofreu queimaduras em todo o corpo, sendo conduzida para atendimento na Unidade Mista Doutor Djalma Gonçalves dos Anjos, onde recebeu os primeiros socorros. Em seguida a menina foi encaminhada para o Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo, em Santana do Ipanema. Depois ela foi encaminhada para o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca, de onde será encaminhada, ainda hoje, para um hospital de Maceió, devido à gravidade das queimaduras.

Já o menino de 2 anos, encontra-se internado no hospital de Pão de Açúcar e será liberado ainda hoje, por não apresentar gravidade em seu estado de saúde.

A vizinha socorrista também teceu elogios à mãe das crianças que, segundo ela, trabalha em Pão de Açúcar, para manter a família. "Ela nunca deixa as crianças sozinhas em casa porque deixa com a avó. Ela não veio dormir em casa, devido ao péssimos estado de conservação da estrada neste tempo chuvoso. Mas ela é uma mulher de responsabilidade e cuida muito bem dos filhos. É uma guerreira e dá duro para criar os filhos. Agora a família está precisando da ajuda de todos, pois perdeu tudo com o incêndio", disse "JD".

(Matéria atualizada às 18h27min, em 15 de julho de 2021)

 

Foto: Reprodução/Pão de Açúcar Notícias

Comentários

Escreva seu comentário
Nome E-mail Mensagem