SAÚDE

Defensoria Pública de AL aciona a Justiça para garantir remédios a pessoas com HIV

Ação Civil Pública foi ingressada contra o Estado. Segundo Defensoria, a falta dos medicamentos prejudica o tratamento de mais de 7.580 pacientes.


icon fonte image

  Fonte: G1 AL

Mais de 7 mil pacientes portadores de HIV estão sem receber os medicamentos

Mais de 7 mil pacientes portadores de HIV estão sem receber os medicamentos   Foto: Luís Vitor Melo/G1

Postado : 07/02/2019

A Defensoria Pública entrou com uma Ação Civil Pública nesta quinta-feira (7) contra o Estado por causa do desabastecimento de 35 medicamentos destinados à prevenção e ao tratamento de pacientes diagnosticados com HIV em Alagoas.

A compra desses medicamentos é feita pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesau) para distribuição aos pacientes, conforme Resolução Estadual nº 32 de 16 de abril de 2018. A falta deles já prejudica o tratamento de mais de 7.580 pessoas (confira a lista de remédios que estão em falta ao final do texto).

Por meio de nota, a Sesau explicou que o processo licitatório já está em fase final de conclusão para a aquisição dos medicamentos destinados ao tratamento e que, assim que o processo for concluído, os medicamentos serão enviados aos três serviços especializados no atendimento de pessoas com vírus do HIV.

O defensor do Núcleo de Direitos Coletivos e Humanos, Daniel Alcoforado, informou que o órgão já havia se reunido com representantes da Sesau em outubro de 2018, quando foi estipulado um prazo de 30 dias para a regularização do fornecimento. Contudo, o prazo não foi cumprido.

Na mesma resolução, constam os 35 medicamentos a serem distribuídos pelo Estado para tratamento das infecções oportunistas destes pacientes, como sífilis, candidíase e herpes.

Em Maceió, a assistência aos pacientes é realizada pelos Serviços de Assistência Especializada – SAEs, instalados no Hospital Helvio Auto, Hospital Universitário e PAM Salgadinho.

Medicamentos em falta:

  1. Aciclovir;
  2. Ácido Folínico;
  3. Albendazol (comprimido mastigável);
  4. Abendazol (suspensão oral)
  5. Amoxicilina + Clavulanato de potássio (comprimido);
  6. Amoxicilina + Clavulanato de potássio (suspensão oral);
  7. Anfotericina B;
  8. Anfotericina B Lipossomal;
  9. Azitromicina (comprimido);
  10. Azitromicina (suspensão oral)
  11. Benzil Penicilina Benzatina 1200 Ui;
  12. Ceftriaxona;
  13. Cetoconazol;
  14. Ciprofloxacino;
  15. Claritromicina (cápsula);
  16. Claritromicina (suspensão oral)
  17. Clindamicina;
  18. Dapsona;
  19. Doxiciclina;
  20. Fluconazol (100 mg - cápsula);
  21. Fluconazol (150 mg - cápsula)
  22. Ganciclovir;
  23. Itraconazol;
  24. Ivermectina;
  25. Metronidazol (comprimido);
  26. Metronidazol (suspensão oral);
  27. Miconazol;
  28. Nistatina (oral);
  29. Permetrina;
  30. Pirimetamina;
  31. Secnidazol;
  32. Sulfadiazina;
  33. Sulfametoxazol + Trimetoprima (suspensão oral);
  34. Sulfametoxazol (comprimido);
  35. Valganciclovir;

Comentários

Escreva seu comentário
Nome E-mail Mensagem